sexta-feira, 17 de abril de 2015

Giesta Branca – neve em abril…



+
Quando abril chega, a minha giesta-branca (Cytisus multiflorus) explode de cor. Cândida, a sua floração antecede a das maias (Cytisus striatus), de flor amarela. Aqui no Douro, uma e outra convivem lado a lado. As suas enérgicas florações não deixam indiferente quem passa.
Num espaço de apenas algumas semanas passam os montes de branco a amarelo, uma magnífica transmutação.
Quanto às minhas maias, quando chegar a altura darei notícias.
Rafael Carvalho / abril de 2015

13 comentários:

  1. Por aqui as amarelas já estão todas em flor. Estou mesmo em crer que abril deverá ser mesmo o mês mais florido (e cheiroso) do ano :)

    ResponderEliminar
  2. Um mês depois do Algarve!!!
    Um bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  3. Um mês depois do Algarve!!!
    Um bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  4. Que bonita é a floração desta espécie :-)

    ResponderEliminar
  5. Júlio,
    Confesso que tenho alguma inveja do clima algarvio!
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  6. Ana,
    A floração da giesta branca é realmente espetacular! Pena é que ainda não seja muito usada nos jardins...
    Cumprimentos.

    ResponderEliminar
  7. Magnífica.
    Plantei muitas giestas brancas este ano, mas são difíceis de pegar.
    Abraço.

    ResponderEliminar
  8. Xisto,
    as minhas pegaram todas!
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  9. Viva Rafael.

    Nunca mais escreveu nenhum artigo. Está tudo bem consigo?

    Cumprimentos
    Paulo Fonseca

    ResponderEliminar
  10. Ora viva amigo Paulo!
    Felizmente estou bem de saúde. O tempo é que não é muito...
    Profissionalmente tenho tido muito trabalho e o tempo não dá para tudo.
    O meu jardim continua vivo, continuo a tratar dele e neste momento está mais bonito do que nunca.
    Só aqui farei novas atualizações quando tiver maior disponibilidade.
    Um abraço de franca amizade.

    ResponderEliminar
  11. Viva Rafael.

    Fico satisfeito que esteja tudo bem consigo. Como não é habitual estar tanto tempo sem publicar, estranhei. Como é óbvio o trabalho está acima dos passatempos. Afinal é ele que nos sustenta. Algo que nos dias de hoje nem toda a gente consegue.
    Fico a aguardar as novas publicações.

    Grande abraço
    Paulo

    ResponderEliminar
  12. Uma das mais belas giestas da nossa flora!!

    ResponderEliminar